quarta-feira, 18 de junho de 2008

Furcraea selloa var. marginata

A Furcraea selloa var. marginata é uma das plantas ornamentais mais comuns da família Agavaceae em cultivo no Brasil, principalmente em praças.
Fica muito grande, com vários metros de altura, por isso deve-se planejar bem o local onde será plantada, pois seus espinhos são um problema quando as folhas ficam em locais de passagem.

Normalmente é confundida com Agave americana, mas é bem maior, possuindo porte arbóreo. As cores também são mais vivas. A parte de baixo da folha de F. selloa e bem áspera, enquanto a parte de cima é mais lisa.
Vai bem em qualquer solo e é bem resistente às intempéries depois que está estabelecida.
Quando dá flores, a planta que origina a inflorescência acaba morrendo. Veja na foto abaixo:
Mas a planta dá inúmeros propágulos no caule, que caem na terra e dão origem a novas plantas. Veja:
Aqui, uma muda retirada da planta mãe:

6 comentários:

Anônimo disse...

Olá!

Que Yucca é esta?

http://www.ubcbotanicalgarden.org/forums/showthread.php?t=50214

Obrigado,
Valter

Anônimo disse...

Olá, agradeço por ter tirado minha dúvida! Já estava confundindo mesmo com a Agave Americana. Na praça defronte à minha casa tem algumas F. selloa e uma delas de repente curgiu com um caule enorme! Começaram a sair hastes lateriais nesse caule, prometendo flores. Fiquei muito entusiasmada,porém com as fortes chuvas e ventos o caule cedeu, embora não tenha secada; parece estar vivo, porém pendeu e se apoia em uma árvore. Posso fazer mudas (e como?) ou devo esperar a planta secar e gerar as miniaturinhas para nova plantação? Ela pode continuar a florescer nessa situação (estando caída)? Assimk como a Agve Americana,ela demora décadas também para florescer? Fico no aguardo de suas respostas. Grata. Forte abraço. Sheila.

Marcus Corradini disse...

Olá Sheila.
Infelizmente não dá pra saber se as flores vão vingar sem ver a planta... Mas, normalmente, essa planta dá inúmeras mudas antes de florir, então, se você procurar junto ao caule, deve encontrar mudinhas. Tente retira-las inteira do caule e plante num vaso ou no local definitivo, direto. Elas pegam com facilidade, desde que não sejam pisoteadas ou sufocadas por outras plantas.
Não sei o tempo exato da floração, mas sei que é longo. Conheço algumas plantas com até 5 metros de altura que não floriram ainda... Deve ser bem variável.
Espero ter ajudado.
Abraço

Anônimo disse...

Marcus, agradeço novamente a pronta disposição para me responder. Vou verificar se existem as mudinhas e tentarei te enviar uma foto da planta, pode ser? Para que email? Abraço. Sheila

Marcus Corradini disse...

Sheila, me mande seu e-mail por comentário, eu não publico aqui no blog, e eu entro em contato com você, ok?
Abraço

João Francisco Moralles disse...

Olá Marcus.me empolguei com as suculentas...e hoje possuo várias..e agora estou nomeando uma por uma para posta-la no Face e quem sabe trazer novos curtidores a estas magníficas plantas e assim poder trocar idéias sobre elas...devo entre 40 a 50 espécies,entre suculentas e cactus..abrigado por nos proporcionar tão lindas fotos que nos servío de incentivo,para cultiva-las